sexta-feira, 19 de junho de 2009

Photoshop


Sei que é óbvio que todos me reconheceram na foto aí de cima.
Usei o photoshop apenas para acertar alguns detalhes que estavam pouco definidos - sombra e cor apenas.
Tem aqueles dias em que a gente acorda de manhã e quando olha no espelho cogita voltar para a cama e por lá ficar por mais uns dias. Qual a mulher que não quer emagrecer uns 3 quilos de hoje prá amanhã ou ir a um BOM salão de beleza ou, até mesmo, consultar com aquele cirurgião plástico que fez milagres na vida da vizinha?
A busca por mudanças é inerente a condição humana. Não adianta, somos mesmo um bando de descontentes, principalmente as fêmeas da espécie.
Sempre há alguma coisa que não está boa, que pode ser melhorada.
Acho isso prá lá de saudável e muito útil para a evolução da espécie mas quando a insatisfação se torna um vício e a mudança uma necessidade, é por que alguma coisa está errada com a auto estima dessa pessoa.
Uma atriz que sempre admirei pela excelente interpretação foi a Suzana Vieira. Ela é a única pessoa que eu conheço que pode pintar o cabelo com a cor que quiser e ficar bem sempre. Todas as cores combinam com ela. Ela é uma mulher razoavelmente bonita mas que, infelizmente, se deixou levar pelo advento do photoshop e, pior, acreditou que era de verdade.
É risível embora triste ver seu último ensaio ostentando um corpo de sereia envolto numa pele de veludo.
Nada ali é de verdade.
Pior do que ela acreditar nisso é assumir a postura arrogante e enlouquecida que tem exibido nos últimos tempos.
Bom, até aí tudo bem, afinal ela É a Suzana Vieira e se ela acredita que tá com essa bola toda, problema dela.
O problema real nasce quando vemos meninas que ainda estão na adolescência correndo atrás de padrões de beleza inexistentes, cobradas pela cultura do belo em que vivemos. Nasce aí a bulimia, anorexia, vigorexia e tantas outras "ias" ...
Pior ainda se for de uma classe social mais baixa - não falo em questão financeira, mas de questão cultural - e os maridos começam a cobrar de esposas que tem 20 anos a menos que a Suzana Vieira, mas que não estão TÃO saradas como ela.
Além do photoshop a Suzaninha tem uma vasta experiência em cirurgias plásticas e qualquer comparação com a vida real se torna, no mínimo, injusta.
A conta disso tudo é muito alta e escravizante.
Mulheres que trabalham em três turnos, cuidam da casa, dos filhos, ainda são cobradas a ser simplesmente magníficas, saradas, magras, esculturais e gostosonas de plantão.
Helooow.
Gente, vamos acordar! Chega desse "me engana que eu gosto".
Será que estamos condenadas ao limbo eterno só por que nossa beleza não se enquadra perfeitamente dentro do "padrão photoshop" ou - pior - estamos condenadas a nos tornarmos mulheres tão padronizadas que para identificação tenhamos que carregar um número de chassi?

8 comentários:

Letícia disse...

Disseste tudo!!!!
E o fato de chegar num ponto de provocar doenças e mortes em adolescentes, é um absurdo!
E essa tortura de nos sentirmos escravisadas e oprimidas, muitas vezes pelos próprios parceiros, para entrar no padrão.
Estamos na Era da Criatividade, é um absurdo ainda existirem rótulos.
Um bom findi para ti e tua família!

Ana Paula Sampaio disse...

Mari, sobre a foto da Suzana que saiu numa capa de revista a pouco tempo, o melhor comentário que ouvi foi na MTV: Suzana Vieira, sobe que esse corpo não é seu! kkkk Triste! beijos, amiga!

Cib disse...

Concordo com tudo! Tudo bem que a medicina evouluiu e a gente pode dar uma repaginada quando não está saisfeita com o corpo. Eu me livrei de um nariz desproporcionalmente grande e de um trauma de adolescência na mesma cirurgia plástica. Acho que a questão é a motivação das mudanças que a gente faz em termos estéticos: pra gente se sentir melhor ou pra se encaixar em um padrão de beleza?
Por mais que a gente tente ficar magérrima, firme, esticadinha e com o frescor da juventude, a beleza ainda vai depender de muita atitude, coisa que bisturi nenhum nos dá... Meu namorado - esse santo rapaz - sempre diz que o maior tratamento de beleza que eu posso fazer é sorrir... Segundo ele, nada me deixa mais bonita do que um sorriso de alegria genuína. Pontos pro santo namorado e material pra pensar: não tem como cultivar sorrisos de alegria genuína contando calorias e paralisando a face com botox!
Beijo!

Pugdog disse...

CIBELE!!
Santo homem!!

Larissa Bohnenberger disse...

Quando eu digo que qualquer mulher do mundo pode ficar rica posando nua ninguém acredita! Propaganda enganosa é facin facin. O problema é o susto que estas mulheres causam nos que as vêem nuas e cruas... por que não tem fotoshop que te faça ficar gostosona e sem celulite para ir a praia no final de semana...
Bjs!

Pugdog disse...

Larissa,
Podes imaginar o pânico da Suzana Vieira quando o ex tirou fotos dela tomando banho de touca de banho. Ela quase infartou, pois sabia que a imagem nao era nada agradável...rsrsrsrs

Léa Aragón disse...

Indiquei teu blog para o prêmio Blog Dorado.
Bjs,

João Eduardo Q. C. disse...

Essa mulher é tão cansativa.