quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Enigmas da Humanidade I

É sempre quando penso que a humanidade não tem mais jeito que ela me surpreende da forma mais tocante.
Hoje quando saí da academia fui à uma padaria próxima para comprar pães e frios. Padaria São Nicolau. Sem trocadilhos, por favor.
Peguei o que precisava e fui até o caixa. A moça que atendia ali (seu nome é Cristina) somou tudo e me disse que eram R$ 22,29. Peguei me cartão de crédito para efetuar o pagamento e ela olhou para ele e disse: Ah, não tô podendo passar cartão de crédito, pois tô com problemas na linha. Puxa vida, disse eu, terei de deixar as compras, pois estou sem nada de dinheiro - Atenção ladrões: eu nunca tenho nada de dinheiro. Cristina sorriu e disse: Pode levar que depois tu me trás o dinheiro.
Peraí, ninguém tá entendendo direitinho, eu Nunca estive naquela padaria e a Cristina nunca me viu mais gorda e ela simplesmente me disse prá trazer o dinheiro depois. Sei que não é uma quantia que leve alguém à falência, mas confiar assim em alguém que nunca se viu na vida me deixou, no mínimo, pasma.
Ainda tentei resistir um pouco, mas quando pensei que teria que ir até o outro lado da cidade para pegar os itens que já tinha em mãos desisti e aceitei.
Pedi à ela que anotasse meu nome (o que ela fez) e meu telefone, o que ela disse não ser necessário.
Sai dali com meus pãezinhos, frios e uma nova consideração sobre seres humanos: Eles podem ser humanos, sim! É só querer.
Passando por situações assim renovo minha fé na humanidade e penso que sim, ela tem jeito!

6 comentários:

Bloguinho da Zizi disse...

Marilisa
Que coisa boa de se ler.
Que bom que ainda tem gente assim.
Aproveito pra te agradecer o carinho no comentário do bloguinho.
beijinho
alzira

Vitor Finkler disse...

Que história incrível!
Eu mesmo não consigo confiar assim... São as mazelas de viver nesse nosso mundo.
Muito bom o texto!
Abraço!
Vitor Finkler

Bloguinho da Zizi disse...

Marilisa
voltei
tem um desafio lá no Bloguinho da Zizi, mas só se vc quiser participar, ok? Fique a vontade.
Beijo
Zizi

amandinhajulia disse...

Oi Marilisa! passeando na net encontrei seu blog, a minha opinião é que ele é fantástico, extremamente cômico. achei muito interessante o modo como vc colocou questões existenciais à tona utilizando-se ainda de uma pitadinha de bom humor. sempre que puder passarei por aqui. abraços ;*

FADINHA disse...

Meu Deus, que delícia!
Putzzz, vc não tem noção com é bom ler isso!
Quando puder, leia esse texto aqui:http://clubedafadinha.blogspot.com/2010/10/ma-fe.html
esse texto é contrário ao seu, porém com a mesma mensagem de credibilidade ao ser humano.
Vc é uma pessoa especial!
Bjs

CarolBorne disse...

Cadê o resto das Cristinas desse mundo??? Precisamos de mais Cristinas. Precisamos aprender com as Cristinas. Precisamos SER Cristinas!